23/10/2011

Estrias e Celulites, o pesadelo de toda garota!

Todas nós sabemos que Celulites e Estrias, nos encomodam. Além de nós não conhecermos elas e não saber o porque de termos, nós temos, e não gostamos. 


O que são?
As estrias caracterizam-se por um rompimento das fibras elásticas que sustentam a camada intermediária da pele, formada por colágeno e elastina (responsáveis pela sua elasticidade e tonicidade). As estrias afectam homens, mulheres em idade adulta ou durante a adolescência, mulheres no transcorrer da gestação, e até mesmo crianças. As estrias geralmente são comuns nas mamas, quadris, culotes, coxas e nádegas. Cerca de 90% das mulheres atuais desenvolvem estrias durante a gravidez. Estudos mostram que a ingestão de flúor interfere na síntese do colágeno.

A celulite é caracterizada principalmente pelo aparecimento de ondulações da pele, dando a esta o aspecto de casca de laranja ou de colchão. É causada por alterações no tecido gorduroso sob a pele, em conjunto com alterações na microcirculação e consequente aumento do tecido fibroso.
O termo também se refere a infecção bacteriana do subcutâneo, geralmente por estafilo aureus coagulase positivo (S. aureus). que é caracterizado por uma área eritematosa de bordos mal definidos, dolorosa, levemente edemaciada. Seu tratamento é farmacológico (com penicilinas penicilinases-resistentes)
A celulite aparece principalmente na região dos glúteos, coxa, abdómen, nuca, e braços.

Como surgem?
Estrias; Sucintamente, podemos resumir seu aparecimento como consequência do estiramento natural ou forçado da pele, sendo por: crescimento na puberdade, aumento de peso, gravidez ou ou o uso crônico de medicamentos a base de corticosteróide, tanto tópico como via oral.
A pele possui uma elasticidade natural e varia de acordo com a pessoa (fatores genéticos), quando ultrapassa essa capacidade de distensão, ela se rompe macroscopicamente e suas bordas, ao cicatrizarem formam uma pequena depressão entre as superfícies rompidas, surge assim, as famosas estrias.
Por conta das mudanças de hábitos, até os homens modernos estão sofrendo com as estrias, que aparecem em diferentes situações, como crescimento, alterações de peso e excesso de musculação.

As estrias podem surgir de diversas formas, dentre elas:

- Efeito Sanfona
- Crescimento rápido
- Tempestade hormonal
- Excesso de exercícios
- Gravidez
- Ressecamento da pele


Celulites;
A celulite é muito mais comum em mulheres do que em homens; estima-se que até 90% das mulheres sofram com esse problema em algum grau. Possivelmente esta discrepância entre os sexos é causada pelo estrogênio e pelas características do tecido conectivo masculino, que dificulta a herniação da gordura. Além destes fatores, também aumentam o risco de celulite o(a):

- Idade
- História familiar
- Cigarro
- Excesso de peso
- Sedentarismo
- Dieta rica em sal, gorduras e carboidratos
- Pouca ingestão de líquidos
- Estresse

Como Tratá-las

Estrias: Laser: É um tratamento bem moderno para redução das estrias. Os tipos de lasers utilizados para o tratamento de estrias têm afinidade pela água da pele e, ao atingir a pele, promovem a sua vaporização localizada. Isso estimula uma nova organização desse tecido, com formação de novas fibras de colágeno e elastina. Um tipo muito utilizado é o Laser Fracionado de CO2, por promover grande melhora, com poucos efeitos colaterais.
Dermoabrasão: É realizado um tipo de lixamento da pele que, ao escoriar a pele, elimina uma boa parte da camada superficial. Isso também estimula um processo cicatricial na pele, ajudando na produção de colágeno e elastina.
Ácidos: O tratamento é realizado com aplicação de cremes ou géis à base de ácido retinóico ou alfa-hidroxi-ácidos (AHA) que aceleram a renovação celular e atua na formação de colágeno novo. Os resultados começam a ser percebidos após um ano e deve ser interrompido se a pessoa for para o sol.
Lipoaspiração: Para alguns casos a aspiração da gordura superficial na região onde não há estrias estimula a produção de colágeno da pele, melhorando sua elasticidade.
Peeling: Este tratamento é realizado através do lixamento da pele feito com o Skin Lifting, um aparelho italiano que promove um tipo de peeling profundo, ou dermoabrasão, devido à ação abrasiva de um jato de microcristais de óxido de alumínio. O peeling elimina de forma suave e uniforme as camadas superficiais da epiderme. O que leva a regeneração celular, resultando no surgimento de uma nova pele.

Celulites:

Diversas formas de tratamento são propagandeadas como eficazes para a celulite, mas poucas apresentam resultados consistentes e com base científica. Dentre os tratamentos considerados eficazes estão:
  • Redução de peso por meio de alimentação saudável e vida ativa.
  • Terapias com lasers, acupuntura, radio-frequência e infravermelho. Em conjunto ou separadamente estes tratamentos mostraram-se efetivos contra a celulite.

Nenhum comentário:

Postar um comentário